Unesc e Criciúma fortalecem parceria pela educação e esporte

tigrinhos1.jpg

Foto: Criciúma Esporte Clube

Uma parceria pela educação e incentivo ao esporte. A Unesc e o Criciúma Esporte Clube vão, mais uma vez, renovar o convênio que proporciona o funcionamento de escolinhas de futebol para 750 crianças dos 10 aos 14 anos em nove cidades da região. A assinatura do termo ocorre nesta terça-feira (26/9), às 17h15, no auditório do Estádio Heriberto Hülse.

O projeto promove a formação de atletas e contribui para formação social desde jovem. Segundo a reitora da Unesc, Luciane Ceretta, o incentivo à pratica esportiva e a formação cidadã também é uma das preocupações da Universidade. “A Unesc acredita na importância do esporte para a formação de bons cidadãos e por isso é parceria do Criciúma Esporte Clube para a realização deste projeto tão bonito. A Universidade se engaja em tudo que possa trazer benefícios para a comunidade e desenvolva a nossa região por meio da educação”, afirma Luciane.

 

Mais qualidade

 

Para a próxima temporada, o planejamento prevê, segundo o coordenador do Projeto Tigrinos na Unesc, Bruno Colombo, uma redução do número de locais atendidos pelas escolinhas para que haja um fortalecimento das atividades. No entanto, após um período, as escolinhas devem voltar ao número original. “Aos poucos voltaremos a crescer, mantendo a qualidade”, comentou.

 

Além da educação, um sonho

 

O coordenador da base, Sérgio Lopes, destaca que além de uma boa formação educacional, muitos destes garotos vão ter a oportunidade de buscar um sonho. “O Projeto Tigrinhos é muito importante, pois atua em duas frentes bem claras. Há o lado social, que é a inclusão através do esporte e ajuda muito no desenvolvimento educacional. Por outro lado, é uma porta de entrada para um esporte de rendimento. Muitos desses garotos do projeto vão ter a oportunidade de entrar nas equipes de base do clube e quem sabe no futuro chegar até ao time profissional”.

 

Colaboração: Comunicação Unesc

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *