Procon aponta variação de – 4% nos preços da cesta básica entre março e abril

Pesquisa-de-preço.jpg

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Criciúma realizou na última semana uma pesquisa dos itens que compõem a cesta básica.

O órgão constatou uma variação de – 4% no preço dos alimentos entre março e abril.

Já na higiene e limpeza a média foi de 14% e hortifrúti apontou uma variação de 31%. Ao todo, dez supermercados foram analisados.

Conforme o coordenador do Procon de Criciúma, Gustavo Colle, o órgão pesquisou produtos de três categorias: alimentos, hortifrúti e higiene e limpeza.

“Nossa orientação é fazer com que os consumidores coloquem em prática o hábito da pesquisa. A busca pelos menores preços por meio de encartes ou nos dias de promoções de cada estabelecimento também é uma opção”, explica.

Entre os itens da categoria alimento, o macarrão parafuso com ovos sofreu a maior variação, com 604%, com preço entre R$ 1,49 e R$ 10,49.

No hortifrúti, a banana branca apresentou uma variação de 258%, custando de R$ 0,89 a R$ 3,19.

Com 849%, o creme dental apresentou o maior índice, custando entre R$ 1,58 e R$ 14,99.

O coordenador ainda afirma que para ajudar a economizar, os consumidores podem trocar marcas mais famosas por outras similares e com os preços mais acessíveis. Além disso, diversificar as compras em mais de um estabelecimento.

“Entramos em contato com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), e verificamos que em praticamente todo o Brasil a cesta básica custa mais de uma semana de trabalho de quem ganha pelo menos um salário mínimo. Por isso, nossa pesquisa de preço é de fundamental importância para alertar o consumidor e ajudar na escolha do melhor preço do produto”, finaliza o coordenador.

A pesquisa de preços completa pode ser conferida no site do Procon de Criciúma, através do linkwww.criciuma.sc.gov.br/procon.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *