DIC conclui investigação sobre assassinato de usuária de crack

policia.jpg

A Divisão de Investigação Criminal de Criciúma concluiu as investigações sobre o assassinato de Paula Greiser Souza, de 23 anos. O crime ocorreu no dia 22 de novembro de 2016, nos fundos da residência da vítima, no bairo Pinheirinho, em Criciúma.

De acordo com o delegado André Borges Milanese, o homicídio foi cometido por um jovem de 18 anos. O autor confessou ter matado Paula porque, segundo ele, a vítima praticava pequenos furtos e seria informante da polícia.

O jovem ainda é apontado como autor de outros cinco homicídios, quando ainda era adolescente. Em todos, alegou a mesma motivação: que as vítimas cometiam furtos que atrapalhavam o comércio de entorpecentes.

O criminoso, que está preso desde o dia 20 de fevereiro por suspeita de envolvimento em assaltos a estabelecimentos comerciais, também foi indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil, além do porte ilegal de arma de fogo. Se for condenado, pode receber uma pena de até 30 anos de reclusão.

Texto: Carlos Filipe/Rádio Hulha Negra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *