Segurança
Home - - Em depoimento, pai conta que dava ré em trator quando atropelou a filha

Em depoimento, pai conta que dava ré em trator quando atropelou a filha

Uma menina de um ano e sete meses morreu atropelada por um trator em Braço do Norte no final da manhã de ontem.

Jennifer André Warmling estava no quintal de casa, na localidade de Pinheiral, quando foi atingida pelo veículo.

De acordo com a Polícia Civil, o pai da criança relatou que dava ré no veículo quando o acidente aconteceu.

Conforme o delegado Bruno Marinho Martins, um inquérito policial foi instaurado.

“É um fato muito triste. Ouvimos o pai após a fatalidade. Ele contou que dava ré no veículo e que não teria visto que a filha estava atrás, vindo a atingi-la”, fala o delegado de Braço do Norte, que preferiu não dar mais detalhes sobre o caso.

O acidente foi registrado, conforme o Corpo de Bombeiros da cidade, por volta de 11h45.

A guarnição chegou a se deslocar até a residência da família, mas a menina recebeu atendimento através do Samu, que a conduziu ao Hospital Santa Teresinha (HST).

Contudo, a criança não resistiu aos ferimentos e morreu logo após dar entrada na unidade de saúde. A mãe da menina, que ficou em estado de choque após o ocorrido, precisou ser atendida pelo Corpo de Bombeiros.

A morte trágica da criança chocou a região.

Recentemente, um caso semelhante foi registrado em Santa Catarina.

Em março, uma menina de um ano também morreu atropelada por um trator em Pomerode, no Vale do Itajaí.

O pai da criança também dirigia o veículo e relatou que estava trabalhando em uma plantação na máquina agrícola quando a criança correu em direção à roda do trator.

Fonte: Diário do Sul 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *