Vigilância Sanitária de Criciúma atende em nova sede

Foto-de-Émerson-Justo-Nova-sede-da-Vigilância-Sanitária-de-Criciúma-2.jpg

Foto: Émerson Justo / Decom

Os serviços de atendimento ao público da Vigilância Sanitária de Criciúma foram restabelecidos. Suspensos na última semana para a realocação da sede do órgão, os trabalhos reiniciaram na segunda-feira (17). O setor encontra-se no primeiro andar do prédio da Autarquia de Segurança, Trânsito e Transporte de Criciúma (ASTC), na rua Coronel Marcos Rovaris, nº 443, no Centro.

De acordo com o gerente administrativo da Vigilância em Saúde, Vilton Vidal, a nova sede é duas vezes maior que a anterior. “Aqui os serviços estão melhores distribuídos e estão todos no mesmo andar. Vai agilizar o trabalho dos funcionários e melhorar o atendimento à população. Por estar localizado na região central, os moradores também terão mais facilidade no acesso”, ressalta. A Vigilância Sanitária de Criciúma conta com 27 fiscais, quatro estagiários e um motorista.

Estabelecimentos Assistenciais em Saúde

As atividades de análise de projetos físicos de Estabelecimentos Assistenciais em Saúde (EAS) também passam a ser responsabilidade da Vigilância Sanitária de Criciúma. Antes executada somente pela Vigilância Sanitária Estadual, os procedimentos serão realizados pelo município após uma pactuação. Todos os EAS que iniciarem os trabalhos em Criciúma ou efetuar reformas e ampliações precisam de análise do projeto para que a edificação atenda aos requisitos previstos em lei.

Dentre os estabelecimentos que devem passar por avaliação e aprovação de projetos estão: clínicas em geral, ambulatórios, postos de saúde, policlínicas, centros de diagnósticos por imagem, laboratórios de análises clínicas, creches, escolas, instituições de longa permanência para idosos, entre outros. “Esta conquista fará com que a Vigilância Sanitária de Criciúma tenha mais autonomia. Agora, o próprio município poderá realizar a análise e, se aprovado, conceder o alvará. Antes o município só concedia o alvará perante a aprovação da Vigilância Sanitária Estadual. A população ganhará com a agilidade na requisição dos alvarás”, relata Vidal.

A Vigilância Sanitária de Criciúma atende de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h. Dúvidas ou mais informações podem ser obtidas pelo telefone (48) 3437-6191.

 

Texto: Émerson Justo / Comunicação Criciúma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *