Prefeitura de Criciúma renova contrato com o Hospital São José

Assinatura-do-contrato-com-o-HSJ-Foto-de-Jhulian-Pereira-2.jpg

Foto: Jhulian Pereira / Decom

Prefeitura de Criciúma, Governo do Estado de Santa Catarina e Hospital São José (HSJ) assinaram nesta segunda-feira (27), em solenidade realizada no Ministério Público Federal (MPF), o novo contrato de gestão da unidade hospitalar para garantir atendimentos por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). O repasse mensal será de R$ 6,7 milhões, com recursos do Governo Federal.

A Administração Municipal garantirá o incentivo financeiro mensal de R$ 180 mil. O repasse mensal do Governo do Estado foi firmado em R$ 750 mil. “O São José faz parte da nossa vida. Chegamos a um acordo e celebramos este contrato para o hospital continuar prestando um ótimo serviço aos moradores”, destaca o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Um Conselho Consultivo, formado por representantes de entidades, será implantado no HSJ para assessorar, fiscalizar e orientar a unidade hospitalar. “Passamos por um momento difícil, mas viramos a página. Vamos continuar nossa caminhada para o bem do povo de Criciúma. Este momento é de agradecer”, afirma a diretora-geral do HSJ, Irmã Libera Mezzari.

O vice-governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, agradeceu o apoio dos profissionais da Prefeitura de Criciúma, HSJ e MPF, e anunciou o repasse de mais R$ 280 mil por excedente de produtividade. “O Estado vai repassar R$ 9 milhões por ano. Recursos públicos que serão bem investidos para atender à sociedade”, comenta.

O contrato tem vigência de um ano e será revisto a cada três meses. A solenidade de assinatura do novo contrato contou com a presença do vice-prefeito de Criciúma, Ricardo Fabris, da secretária municipal de Saúde, Francielle Lazzarin Gava, do procurador da República em Criciúma, Fábio de Oliveira, do secretário de Articulação Nacional, Acélio Casagrande, de vereadores, entre outras autoridades.

 

Texto: Jhulian Pereira / Comunicação Criciúma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *