Logo Rádio Hulha Negra

Criciúma fecha primeiro trimestre de 2019 com 857 novos empregos

25/04/2019

Criciúma é uma das maiores cidades catarinenses que mais geraram empregos no primeiro trimestre de 2019.

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, o município criou 857 novos postos de trabalho de janeiro a março deste ano, 522 a mais em relação ao mesmo período de 2018.

Para o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, a criação de novos empregos ajuda no desenvolvimento econômico da cidade.

“Criciúma está entre as 10 cidades de Santa Catarina, com mais de 30 mil habitantes, que mais geraram empregos no primeiro trimestre de 2019. O governo municipal, principalmente com a Casa do Empreendedor, está atraindo empresas e incentivando a abertura de novos negócios, gerando novas vagas de trabalho e renda às famílias”, analisa.

No último mês, Criciúma gerou 174 novas vagas de emprego e se firmou como a quinta cidade catarinense, com mais de 30 mil habitantes, que mais criou postos de trabalho, ficando atrás de Joinville, Chapecó, Brusque e Indaial.

Segundo o secretário municipal da Fazenda, Celito Cardoso, a retomada da economia e o incentivo para a abertura de novas empresas contribuiu para o crescimento na geração de empregos.

“Um dos fatores é a facilidade que Criciúma oferece aos empreendedores para abrir um negócio com a Casa do Empreendedor. Mas, o principal fator é o sintoma do encorajamento do capital para voltar a investir”, declara.

Criciúma lidera geração de empregos na Amrec

Entre as cidades da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), Criciúma foi o município que mais gerou empregos nos primeiros três meses do ano, seguido de Içara, com 338 novas vagas, Forquilhinha, com 248, Urussanga e Nova Veneza, com 223, além de Morro da Fumaça, com 134 novas vagas de trabalho.

Criciúma fecha primeiro trimestre de 2019 com 857 novos empregos