Força-tarefa aborda moradores de rua em Criciúma

Trabalho-voltado-aos-moradores-de-rua-Foto-Divulgação.jpg

Foto: Divulgação / Decom

Dispor da oportunidade de ter uma vida digna é um direito de todos. Com essa missão, a Prefeitura de Criciúma, via Secretaria de Assistência Social, iniciou uma força-tarefa para conscientizar e encaminhar moradores de rua à Casa de Passagem São José e ao Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop). A iniciativa é realizada por assistentes sociais e psicólogos.

Até esta quinta-feira (9), foram efetuados 26 encaminhamentos. “Os desabrigados são abordados pela equipe e a partir daí começa um trabalho de conscientização para que aceitem a nossa ajuda. Depois de concordarem, os funcionários tentam entender o porquê de estarem nessa situação e tomam as devidas providências, de acordo com o caso”, explica o secretário municipal de Assistência Social, Paulo César Bitencourt.

A maior concentração de moradores de rua se encontra no bairro Pinheirinho e na região central de Criciúma. “A nossa intenção é identificar às famílias dessas pessoas para que sejam novamente integradas ao convívio familiar. Se não for identificado num primeiro instante, encaminhamos à Casa de Passagem ou ao Centro Pop. Nesses locais elas recebem cuidados de higiene, roupas limpas, alimentação, entre outras assistências. Também é feito um cadastro para armazenar os dados”, relata Bitencourt.

A Casa de Passagem São José possui parcerias com empresas da região a fim de buscar empregos aos necessitados. “Está sendo realizado um trabalho especial para que os moradores de rua consigam se reintegrar novamente na sociedade. Não adianta cuidarmos um dia deles e no outro estarem de volta às ruas. Queremos realizar um encaminhamento definitivo”, ressalta o secretário.

A força-tarefa será realizada até sexta-feira (10), porém os trabalhos de abordagem e encaminhamentos seguirão no decorrer dos meses. “A Administração Municipal está sempre trabalhando para melhorar a vida dos criciumenses. Ajudando os moradores de rua a conseguir ter uma vida digna, auxiliando-os na conquista de um emprego e um lugar para morar, estamos também contribuindo para o crescimento da cidade”, comenta o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro

 

Texto: Émerson Justo / Comunicação Criciúma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo