Defesa Civil do Rincão registra estragos provocados por ciclone no mar

Plataforma.jpeg

Fotos: Kelley Alves

A Defesa Civil de Balneário Rincão vistoriou nesta sexta-feira (28) os estragos provocados pelo ciclone no mar que atingiu o Litoral de Santa Catarina.

Conforme informado pelo engenheiro Marcelo Santa Helena, que faz parte da equipe técnica da Defesa Civil de Balneário Rincão, durante a manhã e tarde de ontem, as águas avançaram em mais de 100 metros em alguns locais, deixando as ruas alagadas e preocupação com estruturas das Plataformas de pesca. Além disso, a força das águas atingiu as cabeceiras da ponte da avenida beira mar, próximo a antiga New York, levando parte das lajotas. A ponte foi isolada nesta tarde.

Conforme informado pela Defesa Civil do Estado, a previsão ainda é de ventos moderados a fortes na área litorânea, que deixará o mar agitado e com ondas altas até o domingo, voltando a ficar agitado e com ondas altas entre a terça e quarta-feira. A Defesa Civil do Rincão fará plantão durante este período, através do telefone 9943-3356.

Na segunda-feira, a Plataforma Sul, será vistoriada, através de medições. A intenção da equipe é verificar se houve deslocamento, já que o local  apresenta riscos por comprometimentos estruturais e está interditado desde o ano passado.  O mesmo levantamento será feito nas ruas da cidade, para avaliação dos prejuízos.

 

Texto/fotos: Kelley Alves

 

Cabeceira ponte Beira-Mar Cabeceira ponte Beira-Mar2 Plataforma Plataforma2 Ruas Alagadas4

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *